Menu Fechar

Roupa em segunda mão está para ficar

O mercado de roupa em segunda mão está a aumentar e parece ter vindo para ficar

O artigo da BCG (Boston Consulting Group) dá conta que o mercado de vestuário e calçado em segunda mão representa já 30 a 40 biliões de dólares em todo mundo, prevendo-se que nos próximos 5 anos apresente uma taxa de crescimento entre 15% a 20%, situação que se deve à alteração de comportamentos por parte dos consumidores.
 
Dos 7000 inquiridos, 70% referem sentir-se atraídos pelo conceito de sustentabilidade associado à compra em segunda mão. Os consumidores pretendem ter menos quantidade em prevalência da qualidade, afastarem-se do consumismo e cuidar melhor do que já possuem nos armários. No estudo pode ler-se ainda que 62% dos consumidores preferem consumir artigos de marcas que optam pela circularidade e implementam medidas para a comercialização de artigos em segunda mão.
 
Estes são insights fortes que as marcas devem ter em consideração pois as vantagens são inúmeras e os consumidores estão atentos.
 
Saiba mais em: https://www.bcg.com/en-pt/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *